Litteraria

As horas vagas mais improváveis

Fanzine Libélula – Parte 3

Dando continuidade ao artigo Fanzine Libélula – Parte 2, demorou um pouco pra nós reunirmos os textos para a terceira edição. Isso porque nos deparamos com alguns outros textos antigos, de outros colegas, que poderiam fazer parte de um fanzine temático.

Decidido o tema, fomos procurar as poesias. O Alan saiu, entrou a Allana. E entrou chutando o balde, rs. Assim como no Libélula nº2, além dos textos acima citados, tivemos colaborações extras, além dos escritos de nós, ilustres editores…

Havia uma novidade na versão impressa: diferente dos dois primeiros, o Libélula nº3 saiu em formato caderno, tamanho A5. Deu um trabalhão pra xerocar, dobrar e grampear, mas no fim deu certo.

Obs.: O arquivo pode demorar um pouco pra carregar, pois eu tive que adaptar o formato para A4 para publicá-lo na web.

Esse foi, na minha opinião, o zine mais “pesado” que fizemos. A temática – O encontro do Eu – é forte em qualquer situação. Mas a ligação entre os textos ficou perfeita.
E também na minha opinião, depois desse zine a produção começou a declinar um pouco. Já havia se passado 3 anos desde o lançamento da primeira edição. Mas ainda tinha um restinho de fôlego sobrando em nós…

(continua)

Elise

4 comentários em “Fanzine Libélula – Parte 3

  1. Olá, Elise!

    Mais um ótimo trabalho da equipe do Libélula! Realmente, o tema e os textos estão mais pesados que as edições anteriores. Vale a leitura, com certeza!

    Adorei seu texto, com as inserções de músicas dos anos 80 – nos quais já entrei com 7 anos, diferente de você. risos

    Fantástico! Fico aguardando a próxima parte da história!

    Um abraço!

  2. Olá, Adelson! Eu adorei esse zine, mas ele sempre me faz pensar demais, rs… Eu estou trabalhando na próxima parte da história, falta só um detalhezinho pra eu terminar!

    Abraços!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo